Bolo de Nozes e La Dolce Vita – Ano Novo Parte I

Feliz 2017! Estamos de volta depois de uma pausa para as festas de final de ano. Como sempre, regadas a muita comida e amor! rs… As energias estão renovadas!

Neste fim de ano exercitamos a nossa veia festeira ao máximo. Recebemos amigos e família para 7 dias de muita alegria, descanso e cardápios festivos que foram executados por mãos diferentes o que conferiu temperos novos e muitas historias boas.

O sol do Rio de Janeiro mostrou que todas as frases que sempre ouvimos sobre a cidade maravilhosa são muito verdadeiras: “Você não sabe o que é calor”, ou “Rio 40º” ou ainda “Ligaram o Maçarico”. Nesse clima os dias foram preenchidos por passeios ao Centro da Cidade, visitas à praia e mergulhos na piscina todo dia, o dia todo e até tarde.

Na parte do “até tarde” podemos concluir que a festa de Ano Novo aqui é uma coisa meio séria porque todo mundo celebra pra valer, até tarde e com muita animação. Onde seria possível pular e dançar até as 03:00 em um apartamento sem qualquer queixa da vizinhança? Concluímos que estavam todos ocupados em festar suas próprias festas.

A parte salgada, a qual detalharemos nos próximos posts, contou com muito churrasco durante o dia, macarronada do Júlio, Pirão do outro Júlio, Iguarias orientais (receita aqui), Costelinhas assadas (receita aqui) Peru e Peixes. Resolvemos retomar algumas tradições e executamos o enorme bolo de Natal que Tia Maria fazia e assim, fizemos um Floresta Negra (receita aqui) e esse delicioso bolo de nozes para a ceia de ano novo. Ficou muito bom, acabou rapidinho! Essa é outra das receitas que Tia fazia quando éramos crianças e é diferente porque não leva farinha de trigo e sim farinha de rosca. Fica muito especial!

E sobre a Dolce Vita, se ficamos unidos e nos apoiamos nas horas difíceis por que não ficarmos unidos e nos apoiarmos nas horas felizes? Como diz a mãe, Vamos ser felizes enquanto estamos felizes.

Bolo de Nozes

 

Rendimento: de 10 a 12 porções
Dificuldade: Médio
Tempo de Preparo: 45 minutos

Ingredientes:
  • 9 gemas
  • 9 claras
  • 2 xícaras (chá) de açúcar refinado
  • 220 g de nozes moídas
  • 2 colheres (sopa) de farinha de rosca
Modo de Preparo:
  1. Unte uma forma de aproximadamente 22cm com manteiga e cubra com papel manteiga.
  2. Pré-aqueça o forno a 220º C.
  3. Na batedeira, em velocidade alta, bata as gemas com metade do açúcar até obter um mistura fofa e esbranquiçada. Reserve.
  4. Na batedeira limpa, junte as claras e bata até o ponto de pico mole. Adicione a outra metade do açúcar e bata até virar um merengue.
  5. Adicione 1/3 do merengue às gemas batidas e as nozes moídas com a farinha de rosca. Misture. Adicione o restante do merengue delicadamente. Coloque na forma untada e passe o forno a 180º assando por 20 a 30 minutos ou até que fique dourado. Espere esfriar antes de rechear. Ele murcha um pouco e fica bem esponjoso, como um legitimo pão de ló português.

Tia Maria costumava recheá-lo com chantilly e cerejas ao marrasquino, mas no ano novo recheamos com doce de ovos moles de Aveiro (parece baba de moça) e cobrimos com fios de ovos e cerejas frescas. Combina bastante com doce de leite também.

Um ótimo ano para todos!

Beijos

Má e Jú

Deixe uma resposta